Os novos domínios de Clio: História Cultural, Campo de Saber, conceitos e possibilidades

Autores

  • Telma Bessa Sales Professora Efetiva do Curso de História da Universidade Estadual Vale do Acaraú – Sobral-CE
  • Francisco Diego Soares Farias Graduando em História na Universidade Estadual Vale do Acaraú – Sobral-CE

Resumo

Nessa ocasião apresentamos uma discussão sobre as transformações ocorridas no seio da constituição da disciplina História na segunda metade do século XX. Neste processo foram propostas novas problemáticas, outros olhares, interpretações e, por que não dizer, uma “nova” forma de fazer a História, abordar e narrar o passado, culminando com a promoção da famosa ”Nova História Cultural.” Contudo, nos debruçaremos de início na tentativa de desvendar, ir mais ao fundo e portanto, escavar mais o campo de saber de nossa disciplina, objetivando explicitar o por quê dessas transformações; como se deram e suas conseqüências. Partimos nesse trabalho de alguns apontamentos levantados de início por Sandra Jatahy Pesavento em seu livro História & História Cultural, no entanto, tentamos aprofundar algumas das questões levantas pela autora indo além de seu texto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

SALES, T. B.; FARIAS, F. D. S. Os novos domínios de Clio: História Cultural, Campo de Saber, conceitos e possibilidades. Revista Historiar, [S. l.], v. 3, n. 5, 2013. Disponível em: //historiar.uvanet.br/index.php/1/article/view/59. Acesso em: 29 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos - Tema Livre