OS MUNDOS DO TRABALHO

relações de controle social no Cariri cearense em meados do século XIX

Autores

  • Francisco Leonardo Silva Alencar UNIVESIDADE ESTADUAL DO CEARÁ -UECE

Palavras-chave:

Trabalho. Dominação. Resistência Cariri Cearense

Resumo

Em meados do século XIX, o Cariri Cearense possuía economia majoritariamente agrária, vinculada a pequenos núcleos urbanos e um múltiplo cenário no que se refere a mão de obra, composta por trabalhadores livres, escravizados, pequenos camponeses e sitiantes. As mudanças sociais e econômicas ocorridas no segundo reinado provocaram o debate em torno do trabalhador, e neste contexto, foram várias as estratégias de controle social criadas pela classe senhorial. A presente pesquisa teve início com um projeto de Iniciação Cientifica no ano de 2017, que tinha como objetivo analisar os mundos do trabalho no Cariri Cearense, trabalhamos com documentação oficial como os relatórios de presidentes de Província do Ceará e com a impressa cearense do período, mais especificamente com três periódicos, O Cearense - CE (1846 a 1889), Pedro II - CE (1840 a 1889) e O Araripe – CE (1855 a 1864),  buscando identificar, nos os discursos e nas práticas, como os governantes ligados a elite senhorial utilizavam-se do aparato estatal para controlar as camadas subalternas e a mão de obra da região. Buscamos compreender as ferramentas de controle social desenvolvidas pelas classes dominantes e como o trabalhador estava inserido neste contexto. O trabalho busca contribuir com a historiografia cearense, no que concerne ao tema pesquisa e, principalmente, às fontes utilizadas, ampliando olhares sobre o período estudado. Concluímos que foram diversas as formas de controle social utilizadas pelas elites senhoriais na região, como o recrutamento forçado, a desclassificação social, a promulgação de leis e códigos de posturas e impunidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-12-15

Como Citar

SILVA ALENCAR, F. L. OS MUNDOS DO TRABALHO: relações de controle social no Cariri cearense em meados do século XIX. Revista Historiar, [S. l.], v. 14, n. 27, p. 165–186, 2022. Disponível em: //historiar.uvanet.br/index.php/1/article/view/443. Acesso em: 23 jun. 2024.