IRMÃOS, COMO QUE É CHEGADA A HORA DE DESPERTAR DO SONO

relações ardidas entre o “Malagueta” e José Bonifácio

Autores

  • Myriam Paula Barbosa Pires UFJF

Palavras-chave:

A Malagueta, Luiz Augusto May, José Bonifácio

Resumo

As negociações tidas às vésperas da independência política do Brasil apresentaram ricas possibilidades de se pensar a formação do Estado no espaço luso-americano. Um dos grupos de indivíduos que trouxeram propostas foi o dos escritores públicos, redatores de jornais e de outros veículos impressos. O artigo destaca posturas de Luiz Augusto May, responsável pelo veículo A Malagueta (1821-1832), em seu duplo movimento de aproximação e posterior desgaste com o principal Ministro do Reino, José Bonifácio. A metodologia utilizada atuou através da análise crítica das fontes apresentadas – cartas manuscritas e publicações impressas – e o seguido cotejo destas com o contexto abordado. As considerações para resultado observaram uma delicada relação política entre os dois que culminou no afastamento e no subsequente acirramento de sua relação política desembocando na violência física sofrida pelo redator.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-12-15

Como Citar

PAULA BARBOSA PIRES, M. IRMÃOS, COMO QUE É CHEGADA A HORA DE DESPERTAR DO SONO: relações ardidas entre o “Malagueta” e José Bonifácio. Revista Historiar, [S. l.], v. 14, n. 27, p. 100–117, 2022. Disponível em: //historiar.uvanet.br/index.php/1/article/view/436. Acesso em: 17 jun. 2024.